Startup da Incubadora é habilitada para o programa Soluções Tecnológicas do BNDES

Startup da Incubadora é habilitada para o programa Soluções Tecnológicas do BNDES

28/05/2018

A GT2 Tecnologia, startup residente da Incubadora de Empresas da COPPE/UFRJ, acaba de ser habilitada para o programa Soluções Tecnológicas do BNDES, que tem como objetivo apoiar o mercado de comercialização de soluções tecnológicas do país, concedendo financiamento à aquisição de soluções e auxiliando na consolidação de um canal de comunicação entre compradores e fornecedores.

A solução desenvolvida pela empresa foi a plataforma Operator Training Simulators (OTS), que são simuladores de alta fidelidade e que permitem treinar operadores de processos em locais como usinas termelétricas, usinas hidroelétricas, usinas eólicas, fábricas de papel e celulose e refinarias de petróleo, sem precisar que eles estejam no local real. Entre os benefícios de um OTS estão a redução do tempo de treinamento, ganhos de disponilidade e de eficiência com impactos significativos na redução de emissões.

A GT2 Tecnologia, é uma empresa que atua em diversos segmentos do setor energético, incluindo geração e distribuição de energia elétrica, sistemas de apoio para produção de petróleo e gás natural, refino e uso final de combustíveis de apoio para produção de petróleo e gás natural, refino e uso final de combustíveis fósseis e renováveis.

A empresa é responsável pelo desenvolvimento de um robô de inspeção para filmar, fotografar e descrever falhas com detalhamento e localização das mesmas. O equipamento é o único no país, com capacidade para passar por superfícies complexas e obstáculos. A utilização do robô gera redução no tempo de inspeção e uma economia de custos para o cliente, que pode alcançar um milhão de reais por dia.

Recentemente a empresa desenvolveu também um simulador que tem como objetivo o treinamento de operadores de Usina. O projeto que já está sendo colocado em prática com uma Companhia Siderúrgica, envolve melhoria de eficiência energética e produção de combustível, redução de emissões prejudiciais ao meio ambiente e treinamento de pessoal para eficiência do processo.