Parque Tecnológico da UFRJ participa de missão à Rússia para aproximação de ambientes de inovação

Parque Tecnológico da UFRJ participa de missão à Rússia para aproximação de ambientes de inovação

21/12/2018

O Parque Tecnológico da UFRJ participou no início de dezembro da missão de Parques Tecnológicos Brasileiros à Russia, organizada pelo Ministério das Relações Exteriores em parceria com a Anprotec e a embaixada do Brasil em Moscou. A missão teve como objetivo aproximar os ecossistemas de inovação brasileiro e russo, fomentando a parceria entre os países e os parques locais, além de promover a cooperação para o desenvolvimento de empresas de base tecnológica e startups. O encontro também teve como finalidade avançar nas discussões para firmar uma parceria que irá permitir a criação de um programa de softlanding – intercâmbio entre empresas do Brasil e da Rússia.

A atividade se inseriu no esforço conjunto para a construção e ampliação das atividades ligadas ao programa “Diplomacia da Inovação 2019” e da Rede IBRICS para inovação – rede internacional de ambientes de inovação que pretende apoiar projetos conjuntos entre os países e realizar o intercâmbio de melhores práticas entre parques científicos e tecnológicos, incubadoras e aceleradoras de PMEs baseadas em tecnologia e outras organizações inovadoras dos países que compõem o BRICS.

O programa “Diplomacia a Inovação” do Ministério das Relações Exteriores busca a formulação de estratégias capazes de estimular a inovação tecnológica no Brasil e de contribuir ativamente para o crescimento econômico do país. Além de acompanhar as políticas públicas, o programa visa elevar o perfil do Brasil junto aos ecossistemas estrangeiros de inovação e identificar parcerias, atrair investimentos, apoiar a internacionalização de startups e fomentar a colaboração entre parques tecnológicos brasileiros e estrangeiros.

A delegação brasileira foi composta por executivos dos três principais ambientes de inovação brasileiros: Parque Tecnológico da UFRJ (RJ), Parque Tecnológico de São José dos Campos (SP) e Porto Digital (PE). A programação contou com visitas a parques tecnológicos locais, universidades, ambientes de inovação, seminários e encontro com representantes do governo local.