Para popularizar o design 3D

Para popularizar o design 3D

29/08/2012

Empresa da Incubadora da COPPE/UFRJ lança mercado virtual voltado para fabricação digital

A Designoteca foi criada pela LetsEvo – empresa residente na Incubadora da COPPE/UFRJ – para ser um mercado virtual de arquivos de design 3D voltados para a fabricação digital através de impressoras 3D e máquinas de corte a laser. Com a plataforma, estudantes de design e designers recém-formados podem publicar, promover e vender seus arquivos 3D de maneira rápida e segura.

O primeiro passo é fazer uma conta no mercado virtual, depois é só enviar os arquivos e escolher se as criações serão vendidas ou distribuídas gratuitamente. A equipe da Desgintoteca cuida de toda a parte comercial e burocrática, liberando o designer para criar e ganhar dinheiro. A plataforma é integrada com sistema on-line de pagamentos PayPal, o que facilita e dá segurança para compra e venda de designs.

Com a ajuda da comunidade que está se formando em torno da Designoteca, é possível receber valiosos feedbacks sobre as criações e melhorar os designs. Além disso, a plataforma apresenta uma lista de empresas credenciadas e equipadas com máquinas de fabricação digital ou de prototipagem rápida: impressoras 3D, máquinas de Corte (a laser, faca ou jato d’água) e máquinas de usinagem CNC.

Sobre fabricação digital

Existem diversas impressoras 3D. Algumas são mais simples e baratas, podendo ser adquiridas por pessoas comuns. Outras, mais complexas e caras, foram desenvolvidas para indústrias. Mas todas elas podem ser classificadas em dois tipos básicos: aditivas e subtrativas.

Impressoras aditivas vão adicionando material (plástico ABS, por exemplo), camada por camada, até formar a peça completa. Já as impressoras subtrativas retiram material em excesso de um bloco (que pode ser de metal ou madeira, por exemplo), até que só reste a forma desejada.

Assista ao vídeo que mostra o primeiro produto viabilizado pela Designoteca: